fbpx

Como Ter Ideias de Conteúdo e Saber se Há Audiência Para Essas Ideias

ideias de conteúdo

Como ter ideias de conteúdo de interesse para grandes audiências?

Ideias de conteúdo são uma das muitas dúvidas do trabalho de produção de conteúdo. As dicas valem para a produção de conteúdo digital.

Primeiramente, é importante notar que conteúdo não é apenas texto. Imagens, vídeos, quadrinhos, citações, frases inspiradores e tudo mais que puder ser utilizado para passar uma mensagem é conteúdo, até o texto.

Li um ótimo artigo de Felipe Byrro, na Endeavor, sobre 10 maneiras de gerar ideias para empreender. Não deixe de ler o artigo completo em: https://endeavor.org.br/10-maneiras-empreender.

Uso algumas dele, mas acrescento várias outras ideias minhas e apresento, abaixo, o que considero deva ser um bom método de você encontrar o porquê da sua produção de conteúdo. Novamente, não deixe de ler o artigo.

  1. Leia tudo, estude muito, fique pendurado na internet navegando até descobrir algo que vai fazê-lo balançar. Se não virar um negócio, vai que vira um hobby…
  2. Essa é do Felipe (excelente)… Resolva problemas, mas não os invente. Pegue uma folha em branco e escreva no topo dela “Eu odeio quando…” e escreva tudo que te incomoda.
    Provavelmente essas dores são compartilhadas por muitas outras pessoas. Use sua experiência e proponha soluções.
  3. Pense em algo que lhe proporcione múltiplas fontes de renda.
    Isso, porque se você ganha um salário de 5 mil por mês e é demitido, você fica com zero. Em contrapartida, se você tem um salário de 5 mil por mês e um negócio próprio que lhe rende 3 mil por mês, se você for demitido do emprego, você continua com pelo menos 3 mil.
    Além disso, agora terá mais tempo e foco para transformar esses 3 mil em 5, 10, 15, 20 mil …

Use essas ideias para criar um produto digital

Vou listar 10 ações para você ter ideias de conteúdo que possam se tornar ideias de negócios. A proposta básica é criar um infoproduto – um produto digital -; normalmente composto de um e-book e um curso online, que costumam ser a porta de entrada do empreendedorismo digital.

Antes de tudo, anote as áreas você considera deter conhecimento ou que pode aprender rapidamente a fim de criar um infoproduto. Foque mais na melhoria de processos do que na busca de uma ideia muito inovadora.

De tudo que você ler, estudar ou das pesquisar que fizer, procure anotar as dores, as angústias mais comuns. Seu negócio e seu conteúdo devem oferecer soluções para essas angústias.

Tenho um método estranho que funciona bem, principalmente para não perdermos aquelas boas ideias que esquecemos rápido. Abro um arquivo em branco cada ideia com uma linha ou um tópico e, sempre que alguma boa frase ou ideia aparece, procuro incluir em algum arquivo já criado ou, se não é aplicável, crio um novo. A revisão dessas ideias por si só já gera novas e boas ideias, assim como aglutina as relacionadas.

17 formas de ter ideias de conteúdo

Veja como ter ideias de conteúdo divididas em pesquisas (10) e ações (7).

Faça pesquisas:

  1. No Google dos assuntos, liste, analise e estude os 5 primeiros resultados.
  2. Faça, da mesma forma, no Youtube.
  3. Anote as opções de palavras-chave que o Google apresenta enquanto você vai digitando (autopreenchimento). Certamente, essas são as opções mais pesquisadas e ótimas ideias de conteúdo.
  4. Novamente, repita o processo no Youtube
  5. Dos principais experts e influenciadores nos assuntos que pretende tratar.
  6. Em seguida, dos principais materiais oferecidos por esses influenciadores. Verifique e anote se estes oferecem programas de afiliados.
  7. No Planejador de palavras-chave do Google Adwords (ferramenta de fazer anúncios contextuais do Google). Pesquise seus temas e salve os resultados.
  8. No Facebook os grupos do assunto relacionado ao tema que deseja tratar e verifique o tamanho destes. Verifique, dentro dos assuntos, temas que são tabu, que geram muitas dúvidas, reclamações e discussões.
  9. Pesquise no Google Trends se o seu assunto está em alta ou baixa.
  10. Em outros idiomas. Afinal, há muitos sites de reviews, opiniões, com muitas e boas informações para sua pesquisa com enfoques possivelmente diferentes.

Aja!

  1. Se seu assunto for sobre um produto específico, analise os comentários de pessoas nos e-commerces.
  2. Compre um Kindle. Ah mas eu gosto do cheiro do livro, da sensação do papel na mão… Beleza, eu até me emocionei, mas como você será um empreendedor digital tem que aprender a usar a tecnologia a seu favor.
    Você pode grifar digitalmente trechos do livros (faça isso sempre) e acessar as partes mais grifadas pelos leitores. Ali está o ouro das ideias de conteúdo.
    Pule a idolatria por frases de efeito e pesque o que torna aquele trecho relevante. Além disso, você tem sempre um resumo das partes mais importantes do que leu a partir dos seus grifos.
  3. Use post-its com ideias ou crie um mural virtual com o Mural.ly.
  4. Converse com pessoas comuns. Afinal, a opinião do leigo é mais próxima da sua audiência do que a sua, que está tão envolvido com o assunto.
  5. Dê rumo a caminhos tortuosos. Se o ambiente é caótico, idealize um caminho simples e direto. Assim, identifique a dor e ofereça a solução.
  6. Durma com o gravador do celular facilmente acessível e grave tudo. Porque é incrível como boas ideias surge do nada, andando na rua, quase dormindo e nos lugares menos prováveis.
  7. Analise quem seriam seus competidores direto. Use o Ubersuggest para isso.

Assim, com o apoio dessas pesquisas e ações você pode ter uma boa ideia do ambiente e do interesse pelo assunto e especificar os objetivos de cada conteúdo a ser produzido.

E a produção de conteúdo por experts tem uma característica que é quase uma obrigação na internet, a originalidade. Vamos ver mais sobre essa demanda na próxima parte.

Obs.:

Temos um conteúdo extra à série, que faz parte do e-book (se você optar pelo download) porque complementa essa ideia, pois mostra como o conteúdo dá relevância ao seu produtor, faz dele um expert e pode transformá-lo em um influenciador digital.

Co-fundador da MarketingDigital.com.br, Alex Moraes é especialista em Marketing Digital. Após diversas conquistas na prestação de serviços na agência digital de seu irmão, o designer Anderson Moraes, mudou o foco da empresa, a Clicktime Marketing e Design, para a educação. A MarketingDigital.com.br é um hub de troca de informações, com muito conteúdo próprio e de parceiros, glossário, guia de prestadores de serviços (agências e profissionais), agenda de cursos e eventos e tudo mais que se refira a Marketing Digital.

103 artigos publicados